segunda-feira, 28 de novembro de 2011

A Europa e os Clubes de Futebol

Imagem: Google Images

Os últimos dias têm sido férteis em notícias mais ou menos catastróficas sobre o futuro da União Europeia e a possibilidade de desintegração da moeda "Euro"
the economist uma conceituada revista britânica afirma que estará por semanas o colapso da moeda única.

O agravamento da  situação em Espanha, Itália e agora também da Alemanha - por não ter conseguido colocar a totalidade da sua dívida ( ficou-se pelos 60%) e da redução de encomendas à indústria na zona euro, são os argumentos utilizados para "a profecia da desgraça";

Já todos teremos notado o aparecimento como cogumelos de lojas de compra de ouro um pouco por todo o mundo, e consequentemente equacionado as razões do aparente sucesso deste negócio?!!!

Eu diria apenas que parece estarmos a ponto de nos confrontarmos com o "monstro" que criamos e alimentamos;

Que a "bolha" imobiliária, o apelo ao consumismo, o crédito fácil, e a deficiente ou mesmo inexistente fiscalização do sistema financeiro, nos atiraram para esta situação, que inevitavelmente vai criar convulsão social, novos pobres, e alguns novos e /ou escandalosamente muito ricos.

De todas as formas, tranquilizem-se os mais "agitados" porque estou em crer que a Europa saberá encontrar as soluções adequadas para fazer face a esta crise de proporções assustadoras, que requer trabalho reforçado disciplina orçamental, contenção de gastos (das Famílias e do Estado)

No entanto, se a coisa azedar, podem os governos adoptar políticas do tipo clube de futebol, e tentar hipotecar os passes dos políticos, dos gestores públicos, dos administradores dos bancos entre outros; Se não resultar proponho que levem uns quantos diretores das agências internacionais de rating a jantar ao Canal Caveira e promovam operações coração (sempre mais bem acolhidas que os Impostos Extraordinários).

Sem comentários: